PAISAGEM

ORAÇÃO DO DIVINO ESPÍRITO SANTO

OH! JESUS MEU ETERNO PAI DO CÉU, DOCE CORAÇÃO DE JESUS, SOIS O ME REFÚGIO, MEU GUIA, MINHA LUZ QUE ILUMINA TODO MEU CAMINHO, ME PROTEJA, ME AJUDE, ME DÊ ÂNIMO, CORAGEM E MUITA CONFIANÇA. FIQUE SEMPRE COMIGO. DAI-ME UMA PAZ QUE BROTA DO MEU CORAÇÃO. DAI-ME A GRAÇA DE CONSEGUIR FAZER ALGO PARA VOS AGRADAR. DAI-ME FORÇA, A DECISÃO E CORAGEM. ENVIE TEU ESPÍRITO SANTO E TUDO SERÁ CRIADO. NÃO DEIXE TARDAR EM VOS AGRADECER. ILUMINE MINHA MENTE QUE DEVO FAZER. AJUDE QUE EU NÃO ME ESQUEÇA DE VOS AGRADECER. JESUS FIQUE SEMPRE COMIGO. DOCE CORAÇÃO DE MARIA, RAINHA DO CÉU E DA TERRA. SEJA NOSSA SALVAÇÃO. AMÉM

Observação: Esta oração foi escrita por minha mãe em seus últimos dias de vida /1993. Saudades!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Dinâmicas: Como eu sou?

1ª Dinâmica:

Objetivos:
Tornar os membros do grupo conhecidos rapidamente, num ambiente relativamente pouco inibidor.
 
Como Fazer:
1- Cada um recebe uma folha com o título: "Quem sou eu?"
2- Durante 10 minutos cada um escreve cinco itens em relação a si mesmo, que facilitem o conhecimento.
3- A folha escrita será fixada na blusa dos participantes.
4- Os componentes do grupo circulam livremente e em silêncio pela sala, ao som de uma música suave, enquanto lêem a respeito do outro e deixa que os outros leiam o que escreveu a respeito de si.
5-Logo após reunir 2 a 3 colegas, com os quais gostariam de conversar para se conhecerem melhor. Nesse momento é possível lançar perguntas que ordinariamente não fariam.
 
Avaliação:
1- Para que serviu o exercício?
2- Como nos sentimos? 
 Fonte: http://www.paroquiadaressurreicao.com.br/dinamicas/din2.html
 2ª Dinâmica:                                                                                                                                         
  
1. Eu sou mais doce ou salgado?
 2. Eu sou mais de correr ou de sentar?
3. Eu sou mais de ouvir ou de falar?
4. Eu sou mais do silêncio ou do barulho?
5. Eu sou mais de rir ou chorar?
6. Eu sou mais de brincar ou de brigar?
7. Eu sou mais de cantar ou gritar?
8. Eu sou mais do sol ou de chuva?
9. Eu sou mais do amarelo ou do azul?
10. Eu sou mais do dia ou da noite?
11. Eu sou mais do abraçar ou de beliscar/
12. Eu sou mais do gato ou de cachorro?

Conheça suas características de acordo com sua escolha:
Você escolheu: DOCE ou SALGADO?

1. Doce - Suave, meigo, delicioso. Salgado - Malicioso, voraz, arrogante.
2. Correr - Ágil, esperto, dinâmico, competitivo, lutador. Sentar - Pacato, tranquilo, paciente.
3. Ouvir - Receptivo, disponível, tímido, prudente, omisso. Falar - Decidido, Extrovertido, dominante.
4. Silêncio - Calmo, complacente, sonhador, introvertido. Barulho - Agitado, ativo, extrovertido.
5. Rir - Alegre, brincalhão, bem-humorado, expansivo. Chorar - Sensível, sentimental, triste.
6. Brincar - Descontraído, divertido, espirituoso, passivo, controlador. Brigar - Agressivo, determinado, hostil, provocador, impulsivo.
7. Cantar - Animado, entusiasmado, satisfeito. Gritar - Autoritário, imponente, afobado.
[...]
Fonte: VOLPATO, Margarida. Curso de Capacitação/Dinâmicas/ CESNORTE/julho/1998.
Obs.: Postagem incompleta por motivos alheios a minha vontade.  Profa. Geisa


O jogo da bicharada

Objetivo: Cultivar boa convivência no grupo, na amizade e a verdade. Além de perceber as razões da falta de fraternidade e dos conflitos que surgem no grupo jovem ou no grupo de trabalho.

MÚSICA: da preferência do grupo.

MENSAGEM: não há.

Descrição:
  1. Todos recebem a lista dos bichos e num momento pessoas, em silêncio, leem a lista e escolhem três bichos que mais se assemelham a ele.
  2. Agora dos três bichos escolhidos, ficar com apenas um com o qual se identifica.
  3. Grupos por bichos escolhidos - grupos dos gatos, grupo dos macacos, etc. E durante 15 minutos partilhar o porquê escolheu tal bicho e como se manifestam as características no dia-a-dia da própria vida.
  4.  Em plenário, os grupos apresentam o seu bicho de forma criativa, com encenação, dramatização, colocando as características do bicho escolhido.

AVALIAÇÃO:
  1. O que chamou a atenção, o que faltou? Quais são os bichos não apareceram?
  2. Qual o significado para o nosso grupo?
  3. Como você se sentiu?
  4. Como se sentiu em relação ao grupo?

ANEXO:
OS BICHOS 
Leão: Rei da reunião. Quando urra, todos participam. Os ratinhos tremem à sua frente. Não é agressivo. Está certo de sua superioridade. Boceja despreocupadamente, pacientemente, com as peraltices dos outros.
Hiena: Não tem opinião própria. Aprova sempre o leão. Sempre recorda o que o leão disse.
Tigre: É um leão ressentido por não ser reconhecido como rei pelo grupo. Fica de mau humor, às vezes mais competente que o leão. É agressivo, irônico, irrita o grupo que o coloca na jaula, e não toma conhecimento de sua presença.
Raposa: Surpreende sempre o grupo; desvia o assunto; sofista, força o assunto. Jamais caminha em direção ao objetivo.
Pavão: Mostra sempre a sua cultura. Não se interessa pelo objetivo e pelo grupo. Não perde ocasião de mostrar seus conhecimentos. Preocupa-se sempre consigo mesmo.
Cobra: Envenena as relações. Sempre de bote armado. Ai de quem comete uma asneira. Provoca brigas e fica de fora.
Papagaio: Fala por todos os poros; comenta tudo. Fala alto, grita. Ninguém lhe dá importância, nem ele próprio. Sempre por fora do assunto
Coruja: Não fala, presta muita atenção. Pisca quando não entende. Assusta-se quando alguém a interpela. Pede desculpa quando intervém.
Carcará: Não gosta de discussão. Irrita-se quando o grupo não progride. Quer decisões rápidas.  Impaciente, levanta, mas volta.
Girafa: Pelo modo de sentar-se e rir, acha o grupo indigno de sua participação. Seu silêncio não permite saber-se se ela está por cima mesmo.
Macaco: Anedoteiro, espirituoso, bagunceiro, inteligente e superficial. Sempre faz rir; ninguém o leva a sério. Anima, mas termina irritado. No fim está amuado e sem graça.
Gaivota: Voa pelo alto - abaixa. mas sobe logo. Vive solitária.
Cão: Inteligente, fareja tudo, mas ladra demais.  Faz muito barulho por pouco. Sempre vigilante para defender suas idéias.
Boi: Obstinado, lento. Não acompanha o grupo. Devagar e sempre.
Elefante: Sem sutileza. Leva tudo a peito. Não é feito para viver em grupo. Quer ação. Quando intervém é para acabar a reunião.
Gato: Mia para chamar a atenção. Solicitado, se enrosca e não quer falar. Dengoso, prefere agir depois da reunião.
Coelho: Simpático, ágil, pulador. Não tem planos. Não é conseqüente. Encolhe-se quando os maiores aparecem.
Esquilo - Acanhado, fugido, embaraçado. Dificilmente participa.  Quebra sozinho suas nozes. Se insistir muito, não volta.
Pombo: Fica arrulhando com o companheiro do lado. Só vive de par. Se o interpelam, voa e volta ao companheiro.
Araponga: Sempre igual e vibrante. Tem idéia fixa. Só tem uma ideia. É incapaz de seguir uma reunião.
Pica-Pau: Pega uma ideia e pulveriza-a. Não tem objetivos. Só sabe picar ideias. Na discussão fica picando o que ficou para trás.
Aranha: É mestra em teia, onde se envolvem mosquitos e besouros. Na discussão amarra um fio no outro. Não prepara plano, prepara armadilha.
Ouriço: Fica espinhento por tudo. Para ele, no grupo, não há ideias; tudo são intenções.
Antílope: É arisco. Sempre farejando o ar para ver se não o querem pegar de surpresa. Está sempre de sobreaviso. Não acredita em ninguém.
Hipopótamo: Fica mergulhado no assunto. Não sai das discussões. Sempre mergulhado.
Ratinho: Nunca aparece, mas caminha entre todos. Rói as idéias. Passa pela platéia às carreiras.
Zebra: Em cada fase da discussão apresenta ponto de vista diferente. Não sabe somar as ideias. É preto ou Branco.
Camaleão: Está de acordo com todos. Vai para onde o leva o vento.
Foca: Muito curiosa e imaginosa. Interessa-se por tudo e mexe em tudo. Adora brincar.
Quati: Fuçador. Intromete o nariz nas coisas com o objeto de beneficiar-se. Uma vez satisfeito, perde o interesse.
Fonte: http://juventudeilha.vilabol.uol.com.br/dinamicas/o/ojogobicharada.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá pessoal!
Agradeço seu comentário.
Volte sempre! Geisa