PAISAGEM

ORAÇÃO DO DIVINO ESPÍRITO SANTO

OH! JESUS MEU ETERNO PAI DO CÉU, DOCE CORAÇÃO DE JESUS, SOIS O ME REFÚGIO, MEU GUIA, MINHA LUZ QUE ILUMINA TODO MEU CAMINHO, ME PROTEJA, ME AJUDE, ME DÊ ÂNIMO, CORAGEM E MUITA CONFIANÇA. FIQUE SEMPRE COMIGO. DAI-ME UMA PAZ QUE BROTA DO MEU CORAÇÃO. DAI-ME A GRAÇA DE CONSEGUIR FAZER ALGO PARA VOS AGRADAR. DAI-ME FORÇA, A DECISÃO E CORAGEM. ENVIE TEU ESPÍRITO SANTO E TUDO SERÁ CRIADO. NÃO DEIXE TARDAR EM VOS AGRADECER. ILUMINE MINHA MENTE QUE DEVO FAZER. AJUDE QUE EU NÃO ME ESQUEÇA DE VOS AGRADECER. JESUS FIQUE SEMPRE COMIGO. DOCE CORAÇÃO DE MARIA, RAINHA DO CÉU E DA TERRA. SEJA NOSSA SALVAÇÃO. AMÉM

Observação: Esta oração foi escrita por minha mãe em seus últimos dias de vida /1993. Saudades!

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Dúvida cruel - Superinteressante

... SYSRQ?
Alguns botões são como dentes de siso: perderam a utilidade com a evolução, mas continuam lá. O System Request (“pedido ao sistema”), por exemplo: antigamente, não havia janelas – programas ocupavam a tela toda, e muitas vezes o único jeito de sair deles era apertar o SysRq. Hoje a tecla se juntou ao útil Print Screen e, se funcionar, é junto com Alt.

... INSERT?
Ele não deveria se chamar Insert, mas Overscript: como o pc deixa ele ligado, ao apertá-lo você está é desligando a função “inserir” e ligando o “sobrescrever”. Resta a dúvida: quando você dispensaria o Insert? Há um caso: quando o campo de preenchimento é muito curto, convém escrever por cima para não perder de vista o que escreveu antes.

... SCROLL LOCK?
No tempo em que não havia barra de rolagem, o Scroll Lock era um grande amigo: era só apertá-lo que as setas deixavam de mover o cursor e moviam a tela. Hoje, como até os mouses têm botão de
rolagem, o Scroll Lock jaz esquecido. Só o Excel ainda liga pra ele: com a tecla acionada, você pode circular pela planilha sem perder uma seleção prévia de células.

... PAUSE/BREAK?
Jovens têm até dificuldade de imaginar, mas antes das janelas do Windows havia uma tela preta com letras brancas chamada DOS. Nela, o simples ato de checar o conteúdo de uma pasta gerava uma lista de arquivos que passava correndo, como créditos de filme. O Pause pausava esse processo,
e o Break o parava de vez. Bendita seja, interface gráfica.

Fonte; http://super.abril.com.br/tecnologia/duvida-cruel-507930.shtml#.TkKLE30wXCY.facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá pessoal!
Agradeço seu comentário.
Volte sempre! Geisa